Visão monocular é classificada como deficiência sensorial do tipo visual

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
justiça

Os atos normativos pretendem levar dignidade e inclusão aos monoculares, já incluídos na Lei Brasileira de Inclusão (LBI), trazendo consciência e interpretação adequada para as normas já existentes, lhes assegurando direitos subjetivos.

O presidente da República sancionou a lei que classifica a visão monocular como deficiência sensorial, do tipo visual e ainda editou decreto que regulamenta a referida lei.

De acordo com o decreto editado, os deficientes monoculares deverão passar por avaliação a fim de verificar a caracterização do evento como incapacitante, para fins de reconhecimento da condição de pessoa com deficiência, por meio de avaliação biopsicossocial, por equipe multiprofissional e interdisciplinar.

Assim, compatibiliza-se inequivocamente o conteúdo da nova lei com a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e com a LBI.

Compartilhe
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Deixe seu comentário

Assine nossa news e mantenha-se ATUALIZADO
Siga nossas redes sociais

I SEMINÁRIO JURÍDICO
INTERDISCIPLINAR
06/05, ÀS 19H GRATUITO INSCREVA-SE AGORA

Artigos